Espaço de encontro, “tertúlia” espontânea, “diz-que-disse”, fofoquice pegada, críticas e louvores, ..., é uma zona nobre da cidade, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre "tudo e nada".

20
Ago 17

A isto podemos chamar inúmeras coisas com a certeza que, infelizmente, não é para qualquer um.

Consciência, Respeito pela Dignidade Humana, Cidadania, Liberdade, Coerência, Personalidade, ... (podem continuar).

O nadador espanhol Fernando Álvarez pediu à organização do Mundial de Masters de Budapeste, em que está a participar, que fosse feito um minuto de silêncio antes da realização das provas em homenagem às vítimas do atentado de Barcelona. A organização recusou. “Não se pode perder nem um minuto”, foi a resposta da organização da prova de veteranos ao nadador espanhol.
Álvarez não se conformou e, quando chegou a sua vez de competir, na prova dos 200 metros bruços, quando todos os outros nadadores partiram, o espanhol ficou quieto e em silêncio durante um minuto na prancha, e só depois partiu, acabando por perder a prova.

(fonte: Observador)

a prova dos nove. Exemplar...

publicado por mparaujo às 18:00

6 comentários:
Quer a organização do evento, quer o nadador, serão sempre recordados por razões opostas...
Anónimo a 21 de Agosto de 2017 às 22:13

De facto...
mas infelizmente ainda há quem ache que o nadador só o fez para dar nas vistas e ser lembrado.
pessoalmente, estou-me borrifando. Fez o que mais nenhum, nem a organização, teve coragem para fazer.
mparaujo a 24 de Agosto de 2017 às 22:00

Não percebo nada de natação. (Nem sei nadar.) Mas o nome deste tipo ("que os tem no sítio") já li duas vezes. Os outros não faço ideia de quem sejam.
castor71 a 21 de Agosto de 2017 às 20:39


É exatamente isso....Ele foi o vencedor, porque ficará para sempre na memória comum, como quem abriu mão da competição, por um ato de dignidade.
Que preço tem a dignidade? Imensurável! Mas só percecionado por quem também a tem.

Muito obrigada ao autor por este texto. Não sabia do sucedido e fiquei verdadeiramente feliz por este ato isolado, solitário, que quiseram ignorar...

...em momentos únicos não são os gritos prepotentes que calam muitas bocas, mas sim o silêncio, na sua simplicidade, que se torna ensurdecedor!
Luisa a 21 de Agosto de 2017 às 21:38

Luisa...
Não tem nada que agradecer. Aliás, eu é que agradeço o comentário e a atenção ao blogue. Obrigado.
mparaujo a 24 de Agosto de 2017 às 22:02

tal e qual... fica na memória.
mparaujo a 24 de Agosto de 2017 às 22:01

pesquisar neste blog
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

27 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
18
19

22
23
24

28
31


Visitas aos Arcos
Siga-me
links