13 comentários:
O interessante de algumas revoluções é que muitas são necessárias e provocam mudanças. Em sua maioria para melhor. E viva você que está aqui hoje!
Kafé Roceiro a 29 de Novembro de 2006 às 17:02

Cristina
O Estudante pelos vistos nota-se que vai bem. Ou melhor... pelo menos vai andando muito ocupado, com avaliações e trabalhos individuais e colectivos para apresentar.
É a vida.
Mas para já estou a gostar bastante. Vamos lá ver se aguento a pedalada.
Obrigado
Beijos
migas (miguel araújo) a 28 de Novembro de 2006 às 21:29

como é que vai o estudante?:D

beijinho
Cristina a 28 de Novembro de 2006 às 21:11

Casernadas, Miguel. Fizeram estória! E, já agora,também eu por lá andava.

Um abraço,
AC a 28 de Novembro de 2006 às 00:07

Caro Amigo Miguel Araújo.

É só para alertar da criação do meu blog, mais um a adicionar à lista dos blogs penalvenses.

rogercarvalho.blogspot.com
Rogério Carvalho a 27 de Novembro de 2006 às 11:33

Um beijinho Miguel :)

democratico e devidamente consolidado :)
Cristina a 27 de Novembro de 2006 às 02:52

Caro Miguel,
Não fiz confusão,porque eu falo numa democracia popular,falo na fome e na miséria e com estas a acompanhar o nosso cotidiano, nunca pode haver democracia para todos, no fundo falo no poder popular, que pode ser uma miragem para muita gente, mas para mim ainda continua a ser o futuro de uma sociedade perfeita.
Com esta resposta, penso que tambem esclareço o BAD, para que não hajam más interpertações.
Sobre o resto eu entendo o Miguel,
pois é explicito, mas estranhei, por saber que o meu amigo é danadinho por um "bate-papo" destes
Boa semana e um abraço.
Arauto da Ria a 26 de Novembro de 2006 às 23:57

caro Arauto
Correcção.
não me referia aos desertores mas às implusões.
as minhas desculpas.
migas (miguel araújo) a 26 de Novembro de 2006 às 23:19

Caro Arauto
Desaparecido! Eu?!
Apenas não comentei o seu último post, por um dever (obrigatório, claro) de ética profissional.
Mas vou ao seu execelente espaço diariamente.
E aqui, olhe é conforme vai saindo a inspiração. Ou melhor... nesta fase com as aulas, é mais transpiração.
Mas acho que estamos a precisar de mais um esclarecimento.
Porque me parece que se fez alguma confusão em redor do seu socialismo.
Olhe que uma determinada concepção socialista e socializnte da sociedade foi motora e importante no 25 de Novembro. Veja lá se não me interpretou mal!
Um abraço
migas (miguel araújo) a 26 de Novembro de 2006 às 23:17

Meu caro Arauto, foi precisamente por pessoas como o meu caro que existiu o 25 de Novembro. E ainda bem que ele existiu! Mas ainda bem que também continuam reminescencias dessa via de pensamento que ao que parece o caro Arauto representa e acredita, para que nunca nos esqueçamos de como o espaço temporal entre o 25 de Abril e o 25 de Novembro foi terrível para Portugal!
BaD a 26 de Novembro de 2006 às 18:14