4 comentários:
Concordo inteiramente consigo Miguel. O Dia Internacional da Mulher tem como base o sentimento paternalista e medíocre que está também por trás das quotas do Parlamento. "Elas sofreram tanto coitadinhas, por isso vamos criar o dia internacional delas para as compensar." Não precisamos de lamechices nenhumas para sermos dignificadas. Precisamos de ser respeitadas! Só isso! Porque é que não criaram nenhum dia internacional do homem? Porque sempre fomos as "coitadinhas". Não há nada mais machista que o paternalismo!
Beatriz Leite a 8 de Março de 2013 às 14:25

Beatriz... tal e qual.
Ao vosso lado.
Obrigado.
mparaujo a 8 de Março de 2013 às 15:09

Miguel, permite-me discordar...

O Dia Internacional da Mulher, podendo fazer-se dele um festival ou não, é um dia de comemoração da Luta pela Igualdade de Direitos, uma data histórica..., sendo de carácter INTERNACIONAL, abrange todo um sem número de mulheres em diferentes condições e ou direitos. Não me digam é que é todos os dias...., porque o Natal também não o é, nem o 25 de Abril, nem o 1º de Maio...nem o nascimento dos vossos filhos ou a data dos casamentos. As celebrações, todas elas assinaladas numa data específica, são uma forma de se recordar gente, feitos, actos, conquistas, que marcam gerações, que redefinem o futuro anterior...que poderão ser o impulso para outras alterações.

Não me parece que responda a qualquer manifestação em estereótipos de género...até porque, em boa verdade, toda a sociedade está assente neles...e esses sim, diariamente e em todas as vertentes da nossa vida social, familiar, profissional.

Um beijinho e... Feliz Dia Internacional da Mulher.
Andrea a 8 de Março de 2013 às 12:12

Andrea... minha AMIGA.
Não está em causa a necessidade das mulheres lutarem pela igualdade social e pelo fim das atrocidades que são cometidas (casamentos encomendados, mutilação, etc).
Mas, Andrea... o que eu acho estúpido é que seja necessário existir um dia destes porque é estúpido que haja desigualdades (a todos os níevis) entre géneros, para além do "paternalismo" que circunda este dia.
Abomino...
É por isso, minha amiga. Só por isso.
Beijo grande, enorme.
mparaujo a 8 de Março de 2013 às 15:08