Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Debaixo dos Arcos

Espaço de encontro, tertúlia espontânea, diz-que-disse, fofoquice, críticas e louvores... É uma zona nobre de Aveiro, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre tudo e nada.

Debaixo dos Arcos

Espaço de encontro, tertúlia espontânea, diz-que-disse, fofoquice, críticas e louvores... É uma zona nobre de Aveiro, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre tudo e nada.

Pela Justiça!

Não sei, ou melhor... até creio saber que o Dr. Jorge Coelho não lê o Debaixo dos Arcos.
Também seria demasiada presunção minha.
Mas obviamente que é pena... para mim e, principalmente, para ele.
Mas no que interessa, é pena, porque temos o mesmíssimo ponto de vista na questão já aqui abordada da queda da ponte de Entre-os-Rios.
É lamentável que neste país, quando toca à responsabilidade do Estado e dos seus Organismos, a culpa tenha que morre solteira.
Na emissão de quarta-feira da Quadratura do Círculo - na Sic Notícias - de 25.10.06 o Dr. Jorge Coelho lamentava a decisão do tribunal de Castelo de Paiva.
Curiosamente, o Dr. Jorge Coelho (independentemente do distanciamento ideológico), num acto reconhecidamente nobre, foi o único que "acabou julgado" ao apresentar a sua demissão como Ministro das Obras Públicas, à data dos acontecimentos.
Como há 5 anos atrás, registe-se com agrado a sua coerência política, algo raro nos dias de hoje.
Curiosamente, o Dr. Jorge Coelho apresentou ontem a sua renuncia ao mandato como deputado, alegando as mais que evidentes e habitués razões pessoais.
Depois da sua saída da Comissão Permanente do PS e a afirmação sua de que irá dar o seu contributo ao país como cidadão, questiona-se se não será mais um contributo do "movimento de cidadania oposicionista a José Sócrates."
Eu não acredito em bruxas, mas que as há, "áseas".

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2