Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Debaixo dos Arcos

Espaço de encontro, tertúlia espontânea, diz-que-disse, fofoquice, críticas e louvores... É uma zona nobre de Aveiro, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre tudo e nada.

Debaixo dos Arcos

Espaço de encontro, tertúlia espontânea, diz-que-disse, fofoquice, críticas e louvores... É uma zona nobre de Aveiro, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre tudo e nada.

08.Jan.20

Haver ou não haver guerra... eis a questão.

mparaujo
Ou como paira no ar uma ilusória sensação de paz. Não alinho no coro (que acho desafinado) daqueles que acham que caiu o pano sobre um eventual conflito Irão(Iraque)/Estados Unidos da América. Assim como também não alinho naqueles que acham que podemos voltar todos à normalidade, que não há mais "nada para ver" depois dos acontecimentos que ditaram a morte do general iraniano Qasem Soleimani. Tudo porque a reacção norte-americana à resposta iraniana à morte de Soleimani foi (...)
04.Jan.20

Nem todos os meios justificam os fins... ou quase nunca o justificam.

mparaujo
Começa da pior maneira o ano de 2020. Muito mal, mesmo. E se muitos (infelizmente, a maioria) acham que os recentes acontecimentos no Médio Oriente, nomeadamente em Bagdad (Iraque) e, mais concretamente, a morte do general iraniano Qasem Soleimani (o segundo da hierarquia do regime do Irão), são aí mesmo, num longínquo médio oriente (onde a maioria só em 'sonhos' se imagina de férias no Qatar ou Dubai) é urgente alertar para a importância da tomada de consciência com a (...)
06.Dez.17

Anda um louco à solta pelo mundo

mparaujo
Não há outra adjectivação ou outra forma de descrever a realidade. Não há nenhuma norma internacional que legitime Donald Trump ou os Estados Unidos da América (apesar da sua condição de super-potência geoestratégica, política e económica) como guardiões ou donos do Mundo. Para mais quando é reconhecida uma incapacidade política e governativa atroz em Donald Trump, ao ponto de nem a própria "casa" conseguir gerir. Mais ainda... se um determinado país, estado ou nação, (...)
15.Nov.15

A propósito dos Refugiados

mparaujo
publicado na edição de hoje, 15 de novembro, do Diário de Aveiro. Debaixo dos Arcos A propósito dos Refugiados Na sexta-feira, a França, o mundo, Portugal, deitaram-se de luto, chocados, aterrorizados. Sete atentados em Paris, cerca de 150 mortos, mais de 200 feridos e um objectivo claramente alcançado: sob a capa de (...)
19.Jul.06

Ódio e Guerra

mparaujo
Há alturas na vida em que os pensamentos se tornam obscurecidos pelo "clarear" duma forte trovoada. Ou ainda, pela incapacidade racional de entender um problema. No caso concreto... um grave problema, de consequências ainda muito indefinidas.A guerra é, a todos os níveis, inqualificável e condenável. Premissa. Condição óbvia.Ou não...É que, soam algumas trovoadas cognitivas.Será que alguém (fora da área do conflito) consegue vestir a pele de um povo forçado ao exílio, (...)
11.Nov.05

Faz hoje

mparaujo
um ano que faleceu, num hospital francês, o líder carismático dos palestineanos - Yasser Arafat.E decorrido um ano após a sua morte, a Palestina pouco mais têm para comemorar que a memória do seu líder de sempre e a recente (re)ocupação da faixa de Gaza. A insegurança, a ânsia do poder e o extremismo permitiram a ascensão dos grupos radicais. E um acontecimento que para a comunidade (...)