Espaço de encontro, “tertúlia” espontânea, “diz-que-disse”, fofoquice pegada, críticas e louvores, ..., é uma zona nobre da cidade, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre "tudo e nada".

15
Nov 17

Untitled.jpg

No início deste mês o projecto de crowdfunding do João Vieira para a edição de trabalho de originais ganhou, merecidamente, lugar de destaque aqui no Debaixo dos Arcos.

Com o mesmo mérito e merecimento, João Vieira volta a ser destaque no Diário de Aveiro, num trabalho de página completa assinado pelo jornalista Adérito Esteves.

Clicar na imagem para aceder ao recorte completo da notícia.

Joao Vieira DA.jpg

Faltam apenas 21 dias.

Mecenato: crowdfunding da Verkami.

publicado por mparaujo às 11:14

05
Nov 17

joao vieira.jpg

Com um abraço ao João Vieira...

Dia 11 de maio de 1982 (tinha que ser maio, claro) é a data de registo do nascimento de um gafanhense / aveirense / cidadão do mundo / adoptivamente catalão (sem a conotação conjuntural actual).

Seriam longas algumas histórias que a memória vai resguardando do tempo.

O que interessa agora é uma em particular... em casa havia (penso que ainda há) um piano, mas curiosamente seriam "os tachos, os testos e as colheres de pau" a marcar o ritmo da opção profissional e artística, para além do modo de vida.

A passagem pelos estudos secundários na Escola Homem Cristo (Aveiro) não preencheram a paixão. Seria o conservatório e as escolas de música a cumprir a sua função. Acresce a sorte de ter a tia como vizinha e não propriamente alguém "duro de ouvido" para a música e sem paciência e compreensão para o soar e rufar de caixas, tambores e pratos de uma bateria. Estilos havia (e hoje haverá mais ainda) para todos os gostos e feitios... o feeling, o infinito criativo do improviso, impôs um compromisso assumido desde a primeira hora, qual amor à primeira vista, com o jazz.

Compromisso que o levou aos estudos em Barcelona, a uma passagem por terras do Tio Sam, e ao regresso profissional e criativo a Barcelona.

É já significativo o percurso musical, o estudo constante, o trabalho criativo, as participações artísticas.

Ainda têm lugar de reserva, merecida, cinco composições que constituíam uma maquete pública, penso que de 2006 (se a memória não me falha) do trabalho produzido pelo Zenhit Quartet. Ainda está presente uma interessante passagem ao vivo pelo Mercado Negro, em Aveiro.

Passados estes anos, é assumidamente a altura para o importante passo da gravação e edição de um trabalho inédito. Vertente criativa pronta falta o outro lado da arte: o financiamento. O projecto de crowdfunding, via Verkami, arrancou há nove dias, restando 31 e leva já 35% do objectivo cumprido. As nove composições deste trabalho inédito do músico/compositor/professor João Vieira só verão a luz ao fundo do túnel cumpridos os restantes 65%.

E já só restam 31 dias...

Mecenato: crowdfunding da Verkami.

Sem título.jpg

publicado por mparaujo às 14:38

11
Nov 16

137237086.jpg

Foi demasiado tempo... muito tempo mesmo. Mas foi do melhor tempo.

Leonard Cohen não foi apenas um, entre uma elite, que se fixou na minha mais que modesta "musiteca". Para além de ter sido uma das principais referências foi também alguém que marcou a minha adolescência cultural e musical.

Foram cerca de 35/36 anos (com início numas férias de verão na Figueira da Foz) a ouvir e a ter como assidua e constante presença (e já agora... este sim, também em livro) aquele que considero o melhor cantador de histórias que conheço.

Leonardo Cohen entrou muito cedo na minha vivência musical... apesar do seu falecimento, aos 82 anos, saiu ainda demasiado cedo.

Morreu o maior cantor das histórias da vida, da vida complexa do amor, da vida mundana e simples, de TODA e TUDO o que é a vida.

Restam as memórias, os registos e um mais que sentido e triste.... until forever, Mr. Cohen.

"That's no way to say goodbye". Hallelujah.

publicado por mparaujo às 09:24

30
Set 15

Uxia.jpg

O Conservatório de Música de Coimbra inicia, amanhã, dia 1 de Outubro, a programação para este último trimestre de 2015, intitulada "Cores de Outono".

O Cartaz abre com a Música do Mundo pela voz, guitarra e pandeireta da cantora galela Uxía Senlle que traz a Portugal, no ano em que comemora 30 anos de carreira, todo o brilho do seu álbum "Meu Canto".

É já amanhã, no Auditório do Conservatório de música de Coimbra, às  horas.

uxia coimbra.jpgCores Outono - Coimbra.jpg

publicado por mparaujo às 10:34

15
Mai 15

Morreu B.B. King (Riley Ben King - Blues Boy King - B.B. King)
R.I.P. ao Rei do Blues.

A grande lenda do blues morreu, hoje, com 89 anos, e silenciou-se o principal herdeiro do blues do Mississipi e da colossal tradição do Memphis (Tennessee).

Felizmente não foi preciso este triste momento para me lembrar do grande King, já que o "blues de uma só nota" sempre foi, é e será presença constante. A última escolhe recaiu sobre o Riding with the King, álbum de 2000, com Eric Clapton.

Houve, pela história da música e da origem do blues, um pré B.B. King.
Houve, pela mestria, pela criação, pelo preservar da herança, um B.B. King.Não acredito que, depois de hoje, haja alguém que consiga chegar ao trono do Rei do Blues.

The KING is died. Até sempre B.B.

BB King e Eric Clapton.jpg

publicado por mparaujo às 09:35

07
Set 13

Hoje é dia... de recordar tempos loucos da juventude. Anos 80.

Ao fim de cerca de 30 anos de separação, os JáFu'Mega regressam aos palcos.

Hoje é dia... de os recordar no Teatro Aveirense, pelas 22:00 horas.

Recordar é lembrar (bem alto) isto (Ribeira)

e isto (Nó Cego)

publicado por mparaujo às 15:00

09
Mai 12

No dia 12 de Maio, sábado, Aveiro comemora mais um feriado municipal.

E nada mais interessante que poder ouvir uma das vozes mais emblemáticas da música portuguesa: TERESA SALGUEIRO

A ex-vocalista dos Madre Deus vai pisar o palco do Teatro Aveirense (sábado, dia 12 de Maio, pelas 21:30 horas) para apresentação do seu mais recente trabalho: Mistério.

publicado por mparaujo às 19:58

29
Mar 12
Paulo de Carvalho comemora, este ano, 50 anos de carreira musical.
Uma carreira ímpar de espectáculos, edições discográficas, canções e participação cívica na sociedade.
Paulo de Carvalho está a comemorá-los com um espectáculo único onde revisita, com surpreendentes arranjos, os grandes temas da sua vida musical, acompanhado por grandes músicos de uma geração posterior à sua.
O tema que simbolicamente assinala o início da Democracia em Portugal, "E Depois do Adeus", marca para sempre o homem e o cantor, mas Paulo de Carvalho deu voz a muitos outro temas que várias gerações cantam de cor, como "Gostava dos Vos Ver Aqui", "Nini dos Meus Quinze Anos", "Dez Anos", "Prelúdio (Mãe Negra)", "Os Meninos de Huambo", "O Cacilheiro" ou, mais recentemente, "O Meu Mundo Inteiro".

Paulo de Carvalho, para muitos "A VOZ" dos portugueses e um cidadão notável, é um nome incontornável da música portuguesa.

Sábado, dia 31 de Março, 21:30 horas, Teatro Aveirense

publicado por mparaujo às 22:16

23
Fev 12
"A Morte saiu à rua num dia assim..."
25 anos de Zeca Afonso. Ou melhor... 25 anos após a "morte" de Zeca Afonso.


Nascido em Aveiro, na Freguesia da Glória, a 2 de Agosto a 1929, em boa hora a TSF se lembrou de recordar os 25 anos da sua morte, também na cidade de Aveiro: "Reviver José Afonso: em Aveiro, Jorge Cruz canta Zeca Afonso".



Fonte:TSF

publicado por mparaujo às 19:47

25
Jan 12
28 de Janeiro de 2012, sábado, 21.30 horas 
The Gift -“Primavera e Explode – mil cores possíveis”

Canções inspiradas na primavera, escritas no verão, gravadas no outono e ouvidas em pleno inverno...
Era isto. Canções simples, inspiradas em melodias que a mão direita insistia tocar no piano. A mão esquerda segurava o banco ou o copo de água fria que combatia o calor de fora ou pegava na filha que ainda bébé inspirava a mão direita... Esquerda, Direita. Harmonia. Melodia... Coisas simples que ditas de uma forma ainda mais simples se possam traduzir de várias maneiras. Cada um tem a sua Primavera. Um sitio onde se descobrem segredos, ínfimas histórias de cada um de nós. Primavera é um hino ao nosso. Apenas e só nosso, coisas nossas, suas. Canções que sempre aqui estiveram a percorrer as minhas duas mãos. Direita, Esquerda. 14 mãos. Sete pessoas, sete historias de vida, sete personalidades artísticas. Primavera é junção. Vozes. Uma só voz, calma, sussurrada, descontraída, naturalmente emotiva. Primavera é cantada ao ouvido. Em palco Primavera e Explode são mil cores possíveis, a historia é a nossa. Posso contudo adiantar que depois deste palco será também vossa. (Nuno Gonçalves - The Gift)

The Gift: Sónia Tavares (voz), Nuno Gonçalves (teclas), Miguel Ribeiro (guitarras e baixo), John Gonçalves (teclas e baixo).
As membros fundadores dos "The Gift" vão juntar-se Mário Barreiros, Israel Pereira e Paulo Praça.

Preços:  1ª Plateia - 20 Euros  /  2ª Plateia - 18 Euros  /  Balcão - 15 Euros
publicado por mparaujo às 20:42

02
Jan 12
Os meses de Janeiro e Fevereiro deste no ano estão recheados de surpresas interessantes e oportunidades únicas.
Mesmo com os sinais dos tempos, é possível manter e oferecer Cultura no Teatro Aveirense...
O resto da responsabilidade de manter viva a sala nobre cultural de Aveiro caberá a cada um dos aveirenses (e "vizinhos").
A cultura também desenvolvimento social e económico.

Destaques da programação do Teatro Aveirense para Janeiro de 2012

Dia 4 de Janeiro, quarta-feira, 21.30 horas
Concerto dos Reis da Orquestra Filarmonia das Beiras + Vitorino

Para a Orquestra Filarmonia da Beiras - OFB faz todo o sentido começar o novo ano com música. O tradicional Concerto de Ano Novo e Reis constitui um dos momentos marcantes da temporada musical da Orquestra, não só pelo extraordinário clima festivo que rodeia este espectacular programa, mas também pela habitual participação de um público que, ano após ano, atende com entusiasmo ao concerto para festejar a chegada do Ano Novo. 
Para o início deste ano, a OFB, sob a direcção do Maestro António Vassalo Lourenço, apresentará um programa onde exibirá, na primeira parte, as habituais valsas e polcas de Strauss, tão características e apropriadas para esta quadra. Na segunda parte, a OFB terá um convidado especial: o cantor Vitorino. Depois de ter enchido os coliseus para comemorar 35 anos de carreira, volta aos palcos para um espectáculo que trará calor e alegria ao público e ao novo ano.
Preço único: 5 Euros  -  Sala Principal  -  Duração: 90m


8 de Janeiro de 2012, Domingo, 11.00 horas
Concerto Promenade - Conservatório Música Aveiro

O Conservatório de Música de Aveiro de Calouste Gulbenkian associa-se ao Teatro Aveirense para a criação de concertos Promenade. Uma oportunidade de ouro para quem procura uma introdução à música erudita ou apenas momentos musicais de uma qualidade incontestável.
Programa 
O. Respighi - Ancient Airs and Dances  /  Balleto  /  Gagliarda  /  Villanella  /  Passo Mezzo e Mascherada  /  Ney Rosauro - Concerto para Marimba e Orquestra  /  3º Andamento (Dança)  /  Jules Massenet - Meditation from “Thais”  /  George Bizet - Scenes From Carmen – suite nº 1  Prélude  /  Aragonaise  Intermezzo  /  Les Toreadors  /  Edward Elgar - Pomp And Circumstance – March nº1
Fernando Lapa - Para um Natal Português 
Caminhando vai José, caminhando vai Maria  /  Pastores que andais na serra  /  Ó meu menino Jesus  /  Alegrem-se os Céus e a terra   (Preço único: 2 Euro)


13 de Janeiro de 2012, sexta-feira, 21.30 horas
Lago dos Cisnes - Ballet do Teatro Nacional Russo de Moscovo

Esta obra prima do ballet clássico envolve-nos através de uma impressionante coreografia, num inesquecível conto de fadas. 
O Ballet do Teatro Nacional Russo de Moscovo representa esta obra única, captando a essência, a beleza da história e a harmonia da música de Tchaikovsky. Mais de 40 bailarinos pisam o cenário nesta versão da obra coreografada pelo famoso bailarino Alexei Fadeechev e apresentada pelo famoso Ballet do Teatro Nacional Russo de Moscovo. 
O Lago dos Cisnes converteu-se num símbolo do Ballet, nesse tipo de espectáculos que vale a pena ver pelo menos uma vez na vida, e que uma vez que o fazemos é impossível não repetir.


20, 21 e 22 de Janeiro de 2012, sexta-feira, sábado e domingo, 21.30 horas
Ciclo Edgar Pêra - Cine Diário Regional /
Diários e Retratos (Concentrado de Filmes Pêra) - A Janela (Maryalva Remix) - Movimentos Perpétuos: Tributo a Carlos Paredes

No contexto da Rede Recentar que reúne o Teatro Aveirense (Aveiro), Teatro Académico Gil Vicente (Coimbra), Teatro-Cine de Torres Vedras, Teatro José Lúcio (Leiria) e o Teatro Virgínia (Torres Novas), o realizador Edgar Pêra foi convidado a criar pequenos diários visuais sobre cada uma das regiões onde estes teatros se encontram, apontando diferenças e encontros entre os territórios.
Os Cine-Diários Regionais são actualidades e lembranças, memórias do passado e para o futuro.
Preço: 5€


28 de Janeiro de 2012, sábado, 21.30 horas
The Gift -“Primavera e Explode – mil cores possíveis”

Canções inspiradas na primavera, escritas no verão, gravadas no outono e ouvidas em pleno inverno... 
Era isto. Canções simples, inspiradas em melodias que a mão direita insistia tocar no piano. A mão esquerda segurava o banco ou o copo de água fria que combatia o calor de fora ou pegava na filha que ainda bébé inspirava a mão direita... Esquerda, Direita. Harmonia. Melodia... Coisas simples que ditas de uma forma ainda mais simples se possam traduzir de várias maneiras. Cada um tem a sua Primavera. Um sitio onde se descobrem segredos, ínfimas histórias de cada um de nós. Primavera é um hino ao nosso. Apenas e só nosso, coisas nossas, suas. Canções que sempre aqui estiveram a percorrer as minhas duas mãos. Direita, Esquerda. 14 mãos. Sete pessoas, sete historias de vida, sete personalidades artísticas. Primavera é junção. Vozes. Uma só voz, calma, sussurrada, descontraída, naturalmente emotiva. Primavera é cantada ao ouvido. Em palco Primavera e Explode são mil cores possíveis, a historia é a nossa. Posso contudo adiantar que depois deste palco será também vossa.                                                                                            (Nuno Gonçalves - The Gift)

The Gift: Sónia Tavares (voz), Nuno Gonçalves (teclas), Miguel Ribeiro (guitarras e baixo), John Gonçalves (teclas e baixo).
As membros fundadores dos "The Gift" vão juntar-se Mário Barreiros, Israel Pereira e Paulo Praça.

Preços:  1ª Plateia - 20 Euros  2ª Plateia - 18 Euros  Balcão - 15 Euros






publicado por mparaujo às 15:26

17
Dez 11
Morreu a VOZ de Cabo Verde.
Cesária Évora, com 70 anos, morreu, hoje, hospital Baptista de Sousa, em São Vicente - Cabo Verde, onde se encontrava internada desde sexta-feira passada.
No dia 24 de Setembro deste ano, numa entrevista ao “Le Monde", a "diva dos pés descalços" afirmava que teria de terminar a carreira por conselho médico.
Ao longo da carreira, além das inúmeras digressões e actuações em televisões, gravou 24 álbuns, o DVD "Live in Paris", e registou dezenas de colaborações em discos.

Interessa muito pouco as razões, as causas da sua morte...
Importa muito mais os efeitos e as consequências...
E elas são claras: A cultura Caboverdiana, a cultura da Lusofonia, ficou "irremediavelmente" mais pobre. Muito mais pobre.
Resta uma forte e sentida Sodade...



documentário "Nha Sentimento", produzido em 2009 (fonte: JN) .

publicado por mparaujo às 16:37

30
Nov 11
Programação para o mês de Dezembro, no Teatro Aveirense. Muito bom!

(clicar na imagem para saber mais)

publicado por mparaujo às 00:15

27
Nov 11

Não sou, de todo, alguém que goste particularmente deste género musical: muito próprio das vivências bairristas de Lisboa, mesmo que tornado popular por força dos seus intérpretes (Amália, Marceneiro, etc), do cinema nacional, da revista, do teatro...
Aliás, mesmo que considerado elitista (e, de facto, sexista - só cantado por homens), gosto muito mais do Fado de Coimbra.

E como eu há mais pessoas... Por isso afirmar-se que este é um momento nacional ou de importância relevante para todos os portugueses é uma falácia. O Fado que se fala é de Lisboa. Por isso é que lá esteve presente o presidente da autarquia lisboeta e não o do Porto, Aveiro ou Faro.
É o mesmo que dizer que os Pastéis de Belém são uma referência nacional, quando o que se "come" por esse Portugal inteiro são pastéis de nata.

Mas pior ainda é o aproveitamento político, mesmo que dissimulado, do acontecimento: o que é que esta distinção (mesmo que meritória) tem a ver com "inspiração para os portugueses"?! Por favor... Menos demagogia aprecia-se!
Assim como, apesar da relevância, se mostra prudente alguma contenção nas euforias. Porque todos pagamos!
publicado por mparaujo às 18:04

15
Nov 11
O pianista e compositor Pedro Burmester foi escolhido para encerrar os festivais de Outono de 2011, no Teatro Aveirense, na próxima sexta-feira, dia 18 de Novembro, pelas 21.30 horas.
 
(Clicar na imagem para saber mais)

publicado por mparaujo às 19:59


O pianista e compositor Pedro Burmester foi escolhido para encerrar os festivais de Outono de 2011, no Teatro Aveirense, na próxima sexta-feira, dia 18 de Novembro, pelas 21.30 horas.

Com a direcção de Luís Carvalho, acompanhado pela Orquestra Filarmonia das Beiras e a Orquestras de sopros e cordas do Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro, Pedro Burmester apresenta em palco peças de Richard Strauss, Frederico de Freitas e Berlioz.

Sala Principal
Duração: 110 minutos (c/ intervalo)
Público alvo: maiores de 12 anos
Preços:
1ª Plateia - 10 Euros
2ª Plateia - 7,5 Euros
Balcão - 5 Euros
publicado por mparaujo às 19:36

31
Out 11

"Com Todo o Respeito" é o título do novo disco de originais de Jorge Palma, lançado hoje, 31 de Outubro.

Sucessor de "Voo Nocturno", editado há quatro anos (2007), este novo disco é composto por 13 temas e conta com várias participações: os Demitidos (banda composta por André Hollanda, Pedro Vidal e Miguel Ramos), Cristina Branco (dueto em "O Mundo e a Casa"), Flak (dos Rádio Macau, responsável pela produção e dueto em "Mais um Comboio"), Gabriel Gomes, Vicente Palma, Carlos Barreto, Carlos Bica e Bruno Vasconcelos.
Destaque ainda para a contribuição de Carlos Tê (autor da letra  "Uma Alma Caridosa") e do escritor José Luís Peixoto (autor da letra "Pensámos em Nada").
O novo disco de Jorge Palma - "Com todo o Respeito" - está disponível nas seguintes edições: "Edição Standard" - 13 temas; "Edição Especial limitada" 15 temas (ao alinhamento da edição standard juntam-se 2 faixas-extra) e "Edição Digital".

Tema "Página em Branco" (site oficial do Jorge Palma):



publicado por mparaujo às 23:32

30
Set 11
A Orquestra Filarmonia das Beiras sobe ao palco do Teatro Aveirense, no domingo, dia 2 de Outubro, pelas 17.00 Hm.

(clicar na foto para saber mais)

publicado por mparaujo às 15:16

A Orquestra Filarmonia das Beiras sobe ao palco do Teatro Aveirense, no domingo, dia 2 de Outubro, pelas 17.00 Hm.


(clicar na imagem para saber mais)


publicado por mparaujo às 15:12

No âmbito do Ciclo Integral das Sinfonias e dos Concertos para Piano de Beethoven, a Orquestra Filarmonia das Beiras sobe ao palco do Teatro Aveirense no Domingo, dia 2 de Outubro, às 17.00 Hm.

 O programa "Concerto - Ciclo Beethoven 2011-2013" é um ciclo de concertos, a realizar entre 2011 e 2013, onde serão apresentadas Aberturas, a integral das nove Sinfonias e dos cinco Concertos para Piano, a Fantasia Coral, o Triplo Concerto para violino, violoncelo, piano e orquestra, de Ludwig van Beethoven, executados por alguns dos principais pianistas portugueses: Pedro Burmester, Jorge Moyano, António Rosado, Miguel Borges Coelho, Filipe Pinto Ribeiro, João Bettencourt da Câmara, entre outros. E sob a direção de diversos maestros portugueses e estrangeiros, como Ernst Schelle, Jean-Sébastien Béreau, António Saiote, António Vassalo Lourenço, Pedro Neves, Luís Carvalho.

Programa 
Abertura de Coriolano, op. 62 (c. de 8min)
Concerto para Piano e Orquestra nº 3 em Dó menor, op. 37 (c. de 30min) 
  I. Allegro con brio 
  II. Largo 
  III. Rondo. Allegro 
- Intervalo - 
Sinfonia nº 8 em Fá Maior, op. 93 (c. de 30min) 
  I. Allegro vivace e con brio 
  II. Allegretto scherzando 
  III. Tempo di menuetto 
  IV. Allegro vivace

Jorge Moyano (piano)
Ernst Schelle (maestro convidado)


Teatro Aveirense - Domingo, dia 2 de Outubro - 17.00 Hm
Preços: 
12 Euros - 1ª Plateia 
10 Euros - 2ª Plateia 
8 Euros - Balcão 
(5 Euros para escolas)

 
publicado por mparaujo às 15:05

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
arquivos
2019:

 J F M A M J J A S O N D


2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

28 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Siga-me
links